REUSAR É PRECISO

A cultura dos três Rs está em alta. É preciso reciclar, reusar, renovar. Para quem ainda está mantendo o isolamento social e evitando sair de casa, há uma série de pequenos serviços que vão até você ou que, por suas características, acontecem nas ruas ou em pequenos ambientes, com atendimento individualizado. Muitos destes profissionais fazem trabalhos artesanais, que estão, aos poucos, desaparecendo. Antes que eles sumam completamente, confira aqui onde encontrar alguns destes serviços na região.

Sapateiro

Vira e mexe é preciso colar um sapato ou trocar o fecho de uma bolsa, sem falar naqueles casos de emergência, em que um saltinho descola em pleno uso. Ter um sapateiro por perto é sempre bom, melhor ter o contato sempre à mão.
Sapateiro Aurino Souza Correia – Rua Jardim Botânico, 719
Sapataria Du Fernando – Rua Humaitá, 71 – box 16

Panelas

Os mais jovens podem não acreditar, mas diz o dito popular que “panela velha é que faz comida boa”. Mas o que fazer quando elas estragam? Funileiro é uma dessas profissões quase em extinção, mas ainda é possível encontrar alguns deles nas ruas da região. Siga as pistas abaixo.
Humaitá: Em frente à Cobal, na rua Voluntários da Pátria (foto)
Gávea: Rua das Acácias perto da loja Sport Sucos
Cobal do Leblon

Empalhador e lustrador

Sabe aquela cadeira de palha que está encostada e sem uso? Um empalhador pode dar a ela uma nova vida, restaurando o material original ou substituindo a palha por uma fibra plástica. José Antônio bate ponto de segunda à sexta, há mais de 20 anos, na esquina da rua Visconde da Graça.
José Antônio – rua Jardim Botânico esquina com Visconde da Graça

Amolador e chaveiro

Com as cozinhas a todo vapor, as facas precisam estar sempre amoladas. Por isso, é bom ficar ligado aos ambulantes que passam anunciando o serviço pelas ruas do bairro. Alguns quiosques de chaveiros espalhados em vários pontos da região oferecem o serviço de amolador de alicates de unha. Já na loja Speed Bike, Jaime Reis Filho (foto) conserta fechaduras e faz chaves há mais de 30 anos.

Speed Bike – rua Visconde da Graça / 2294-9246
Rogério chaveiro e amolador – esquina da Maria Angélica 98762-0000
Marcelo chaveiro – esquina da Professor Saldanha 98349-0877
Marcos chaveiro – esquina Eurico Cruz: 99974-2975

Estofador

Há quase 30 anos, no bairro, o estofador Marcello Gianni costuma dizer que “o melhor amigo do estofador é o gato”, cujo hábito de afiar as unhas em sofás e poltronas é conhecido. Atualmente, outro fator favorável ao aumento da demanda por seu serviço é o fato de as pessoas estarem passando muito tempo em casa e sentindo necessidade de renovação.
Marcello Giani – Rua Jardim Botânico 719 / 99662-1279

Corte de cabelo na rua

Ninguém imaginava cortar cabelo na rua, mas será que alguém tinha pensado passar por uma situação de pandemia como essa? A cabeleireira Bianca Segreto costumava atender seus clientes em casa e, a partir de agosto, passou a marcar um dia por mês para botar seu projeto Cut Cut, literalmente, na rua. Além de ficar de máscara e limpar seus instrumentos de trabalho a cada corte, a iniciativa garante segurança para ela e para seus clientes de todas as idades.
Cut Cut – Travessa Madre Jacinta, na Gávea: 99137-7741

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: