CAMPANHA CHAMA ATENÇÃO PARA O FEMINICÍDIO

Nunca se falou tanto sobre feminicídio. De acordo com a 16ª edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, uma mulher é vítima de feminicídio no Brasil a cada 7 horas. Por conta disso e aproveitando a data em que se celebra a sanção da Lei Maria da Penha, a Organização das Nações Unidas (ONU) lança no Brasil a campanha #ParaCadaUma, que trata da violência doméstica e familiar contra mulheres no próximo domingo, dia 7 de agosto. O primeiro passo da ação será um ato inédito sobre o tema no Santuário Cristo Redentor, às 19h30, com representantes de diversas religiões – budismo, candomblé, catolicismo, espiritismo, evangelismo, hare krishna, islamismo, judaismo e umbanda. Haverá, ainda, uma projeção no monumento e apresentação da cantora Kell Smith.

Baseando-se na legislação vigente sobre o assunto – Lei Maria da Penha –, a campanha #ParaCadaUma pretende falar, tipificar e exemplificar todos os tipos de violência contra as mulheres. O objetivo é fazer com que cada um dos cinco tipos de violência (psicológica, moral, patrimonial, sexual e física) seja identificado e nomeado, abrindo espaço para o enfrentamento a cada uma delas.

O ato no Santuário Cristo Redentor junta-se a outras intervenções. O Museu de Arte do Rio (MAR) e o Museu do Amanhã, ambos no Rio de Janeiro, e o Teatro Amazonas, em Manaus, terão iluminação lilás, acompanhando o Agosto Lilás – mês de conscientização pelo fim da violência contra a mulher –, como forma de adesão à #ParaCadaUma.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: